Aristóteles e Dante descobrem os segredos do universo

Livro simplesmente íncrivel! ♥

ÓCIOS DE OFÍCIO

WhatsApp Image 2020-05-08 at 17.25.19

Por Flávia Gomes (Dora) – TXII

A depender da sua memória, talvez você consiga se lembrar de como é ter quinze anos. De ter um monte de dúvidas sobre tudo a sua volta e não encontrar respostas para a maioria delas. De ver mudanças em si mesmo e na maneira de enxergar o que te cerca. Com os anos passando, você tem dezessete e uma mão invisível te empurra para decidir qual será sua profissão e onde você estará quando o colégio acabar. Aristóteles e Dante também são assim. 

Ver o post original 1.098 mais palavras

Sou ninguém

Eu sou alguém frustrado. Alguém que se esqueceu do que era quando foi privado daquilo que mais queria, ou melhor, daquilo que queria ser. Eu sou alguém castrado. Alguém sem asas, atordoado. Ser pensante, embora indignado, não faz juz ao corpo e a alma que se tem. Eu sou alguém dilacerado. Partido, não ao meio,…

Conchas

Devagar sem ter para onde ir, aprender a cair e levantar, a enxugar as lágrimas antes que sequem ou até, pelo bem de sua alma, que o sal do mar as roube e te traga a energia e a pureza de que precisa. É profundo quando se olha para dentro; é dificil de enxergar, interpretar…

O Descanso do Samurai

Em um pequeno vilarejo no oeste do Japão, havia um samurai. Este era o mais fraco de todos os samurais que ali moravam, mas diferente dos outros, treinava dia e noite, tentando superar a todos e a si mesmo. Além de ter um belo reflexo e habilidade no manuseio de sua espada. Em uma bela…

Poesias#109 -Imperceptível

Somos um manto quente, às vezes frio. Queremos o tudo, às vezes o nada. Quebramos as paredes, às vezes rebocamos. Somos a voz que faz tremer e às vezes, somos calados.   Qual sentimento te habita, te faz existir? Qual a missão, qual sina te segue a sua vida? Nos bons, nos maus tempos se…

Poesias#108 – Que faça chuva

Preciso que chova, preciso que o mundo derreta, que caia sobre mim o que resta de sua pureza, me fazendo mais humano, mais dono de mim.   Preciso que chova, que mesmo na inundação o fogo não apague, e me faça ver que nada sem perseverança é possível, que me faça superar qualquer minúscula dor.…